:::: NAVEGAÇÃO ::::
  • Bem-vindo! Conheça-nos e participe da comunidade.

  • Visite o nosso website e descubra mais sobre nós!

  • Siga as novidades de ShiftActif por E-mail

Compartilhe os melhores momentos com sua comunidade em poucos passos.

5 de ago de 2016

As perguntas mais frequentes que ocorrem aqui no blog, quanto por E-mail, é como podemos usar o PagSeguro para acelerar o processo de vendas de um site? Na verdade, sites que usam PHP ou outra linguagem de programação devem procurar os API's (para saber mais, consulte o site clicando aqui).
Como a maior parte das perguntas foram feitas por administradores de fóruns Forumeiros, eu presumo que o artigo é mais voltado para eles!

Diferente do Paypal, o PagSeguro é uma nova forma criada pela empresa UOL, para realizar pagamentos pela internet sem dor de cabeça. Ou seja, uma segunda opção de compra pela internet, só com o jeitinho brasileiro. Como dito no título do artigo, este é mais um tutorial explicando como poderemos criar um botão para doar, e não vender!

1º Cadastro pessoal

Para começar, acesse o site do PagSeguro: pagseguro.uol.com.br Em seguida, clique no botão Cadastro.
Para a próxima página, o PagSeguro quer saber se você quer Comprar ou Vender usando uma nova conta. Como usaremos para os dois, visto que somos administradores de uma comunidade de discussão (fórum), então marque Vender.



O site requer que você especifique se usará sua conta para uma empresa ou para você mesmo. Neste caso, você terá que decidir entre:

  • Pessoa Física: Cadastro pessoal, na qual não tem vínculos com qualquer empresa (que esteja no nome da pessoa quem está se registrando).
  • Pessoa Jurídica: Cadastro de uma empresa, organização que possua um CNPJ ou qualquer documentação licenciada pela Prefeitura Municipal do seu município.


Como vamos criar um botão de doação, e não temos uma loja, então, vamos marcar Pessoa Física. Em seguida, preencha todos os dados da empresa, e salve.

2º Criando o botão do PagSeguro

Com sua conta feita, acesse a área de Desenvolvedores (link no footer do site do PagSeguro), e localize o botão "Criar botões de pagamento". Logo mais abaixo, clique em "Criar este botão" e na aba Doações, configure o botão como desejar.


Tudo pronto? Então, basta clicar em "Gerar botão" e aplicar no seu site.

Observações

No código, você poderá perceber alguns detalhes, como botão escondido (chamados de input hide):

  • currency input com valor BRL: Significa o tipo de moeda que será usada para doar. Consulte as especificações na documentação do site do Pagseguro para saber mais...
  • receiverEmail com valor {EMAIL}: Especifica qual é o usuário que receberá a doação. Neste caso, a doação será encaminhada para o e-mail de sua conta.
Tudo é bem simples, e pode ser modificado. Se você tem uma loja virtual no seu fórum, saiba que a integração da loja pode ser usada com a documentação do Java, porém, o ideal é usar o método de doação.

O usuário compra itens na sua loja no fórum, e gera um valor que é enviado via Mensagem Privada, e depois, você sabe qual será os produtos comprados, e então, após efetuar a doação naquele valor, você poderá depositar o produto de acordo com o pagamento da doação.

Aproveitando a oportunidade, você poderá ver o resultado deste tutorial na nossa página de doações: shiftactif.com/p/donation.html

Consulte o regulamento do site antes de qualquer coisa.

Espero ter ajudado alguém.



3 de ago de 2016

O Publieiros é um fórum de discussão de publicidade iniciado em meados de 2011/2012 pela equipe Forumeiros com apoio da comunidade do Fórum dos Fóruns. Depois do lançamento, o projeto foi finalizado pela equipe de suporte, e o setor de publicidade retornou ao suporte oficial.



Tal informação se confirma após a adição do site no Diretório dos Sites ShiftActif, além do frenético comentário no twitter divulgado pelo administrador da comunidade de fóruns Forumeiros, @shek_forumactif,  no dia 23 de Julho de 2016:


Horas depois da publicação citando o antigo twitter oficial do Publieiros, a postagem foi deletada. Até então, a esperança ficou no ar, pois, ao acessar o domínio padrão do Publieiros, o fórum estava totalmente abandonado.

Semanas depois...

Depois de especular vários boatos, e do grande silêncio de Shek Crowley após a exclusão da postagem do administrador da comunidade Forumeiros no twitter, as coisas foram se confirmando com o tempo.


"Vamos nos empenhar muito no Publieiros, e propor algo jamais visto por qualquer fórum de publicidade.", diz Sovereign, atual administrador da comunidade.
E sem delongas, 'Fraise' solta o verbo e deixa claro que Publieiros será diferente e que "vamos dispor dos mais modernos métodos para que os administradores de fóruns Forumeiros possam melhorar o SEO".
"A divulgação do fórum não será chegar em um outro fórum e ficar publicando o link, como a maior parte de administradores de fóruns fazem atualmente."

Quando questionado sobre a equipe e o desenvolvimento do SEO do fórum para reativá-lo nos motores de busca, Fraise esclarece que até o fim do ano, novas ideias serão desenvolvidas:
"Pretendemos ainda até ao final deste ano adquirir o domínio que o Publieiros tinha anteriormente. A nossa equipe está bastante empenhada e com certeza iremos investir em futuros projetos. Antes de tudo, queremos que o Publieiros volte a ter importância nos fóruns como tinha anteriormente. Iremos inclusive, voltar com a "Forumeiros entrevista" que se passará a denominar de "Publieiros entrevista" visto que não somos um fórum de publicidade oficial. Novas metas serão traçadas ao longo do tempo"

Publieiros tem data de reinauguração depois de amanhã, dia 05 de Agosto (2016).

A data de reinauguração foi adiada para dia 12 de Agosto (2016).





26 de jul de 2016

Expandir o seu conhecimento as vezes torna a vida virtual mais complexa do que imagina, porém, tudo é baseado em palavras e uma discussão aberta e bem simplificada. Qual é a realidade de hoje em dia? O que as pessoas procuram, e o que pode tornar o seu site viral na internet?

Foto de Audiense.com

1º - O seu conteúdo

Antes de mais nada, seu conteúdo precisa ser revisado. Se tem uma comunidade online ou até mesmo um site, é importante saber quem é o seu público alvo! Isso quer dizer que, tudo o que fará a partir de seu conteúdo vai influenciar no desenvolvimento do seu site.

Principal: Focalizar-se no assunto

O que mais vejo na internet são fóruns com debates completamente diferente do padrão do título do site. O desespero é tão grande, que começam a criar outros setores/áreas dentro do site para abrigar conteúdos que fogem do foco do título do seu projeto.

5 dicas espetaculares para criar um bom artigo ou tópico

O seu sucesso dependerá do que você tem que produzir. Um exemplo prático, é fórum de Informática e Internet (o que há mais por aí) discutindo sobre beleza, moda e outras coisas que fogem totalmente do nexo do que deveria. Tente convencer o visitante que você tem algo ali que ele não saiba. Seja objetivo, pois, o primeiro post é o que vai condenar o seu artigo/tópico inteiro!

2º - Um nome de domínio

Querendo ou não admitir, o domínio precisa ser "certeiro". Esse, se não o mais importante, mas, o menos pensado, é o pico do sucesso para um site. É extremamente importante saber o momento certo de comprar um domínio!


Para quem segue as dicas do nosso blog, sabe que o domínio é importante para o desenvolvimento do site, mas, para ter certeza do que está fazendo, sempre aconselhamos usar o domínio em específico.

Nunca troque o nome ou domínio

Você só será um sucesso se não ficar mudando de 'cara' na internet. Os administradores de website procuram novos nomes e palavras-chaves fora do assunto do site, justamente para ver se recebem visitas. Aconselhamos que defina um nome simples para seu domínio, e isso quer dizer em um pequeno resuminho de como pode fazê-lo ser lembrado por seus visitantes. Não os faça perder tempo digitando um domínio extenso.

3º Uma equipe participativa

Dependendo do projeto, é ideal que você 'ande junto' com opiniões diferentes. Permita que seu projeto tenha uma equipe que com toda certeza, vai auxiliar no seu desenvolvimento.



Por exemplo, caso tenha uma loja online, tenha pessoal para ler e atender as dúvidas dos visitantes dentro do horário comercial. Se você tem uma comunidade (fórum), é bom optar por criar hierarquia na equipe e permitir que tanto sua equipe deixe sugestões de melhora para o projeto, pois, coisas que você nem imagina podem transformar o projeto num sucesso.

Para ter uma boa equipe, você tem que motivá-la, ainda mais se forem voluntários. Nós temos uma dica importante para este caso:
Motivação ou insistência?

4º Diretórios, classificados e divulgação

Ainda falando da equipe, é bom escalar um pessoal da staff para se responsabilizar pela publicidade do site. Se forem voluntários, o ideal é dar ferramentas, se forem pagos... Bem, eles precisam saber o que precisa ser feito.
O Google, Yahoo e outros buscadores estão ficando exigentes de mais, e você precisa expandir o seu nome em todo lugar! Isso não quer dizer que você tenha que sair fazendo 'SPAM', pois, ninguém, absolutamente ninguém, gosta de SPAM.

Procure indicar para sua equipe de divulgadores que estudem práticas razoáveis e confiáveis para publicar o nome do site. Indique, no caso, Diretórios ou Classificados que esteja bem referenciados na internet, principalmente pelo Google! Ora, você está querendo divulgar, certo? Então, para divulgar o seu site, procure sites confiáveis e não qualquer lugar.

Você e sua equipe de publicidade devem avaliar todo o HTML do site e verificar a disponibilidade dos arquivos '.xml' e outros elementos importantes para que os motores de busca o encontre por aí. Deixamos algumas dicas aqui no blog. Consulte-as:
SEO, divulgação e propaganda do site

5º Esteja sempre atualizado

Não esqueça do projeto. Se você dedicou tempo e dinheiro no projeto que tanto ama, não o abandone assim! Esteja atualizando seus assuntos e principalmente as meta-tags para que nunca fique perdido em meio dos concorrentes.



Um site moderno

Procure modernizar o site com ferramentas simples e que deixe seus membros/visitantes/clientes confortáveis! Procure atualizar o loyout do site uma vez por ano sem perder aquele ritmo/pegada natural do seu assunto. Evite publicar um tema ou conteúdo imperfeito. Antes de tudo, revise e observe se aquilo é realmente o que precisa.


RESUMINDO...

Não deixe que outras pessoas faça você desistir do que sempre te deu aquele gostinho de felicidade, pois, como você e metade do planeta já imagina, o sucesso do seu projeto só depende da sua visão. :D

3 de abr de 2016

Talvez a pergunta que já passou em sua cabeça é: "Será que preciso de um domínio?", ou, "É realmente necessário?". Até hoje, a humanidade sabe que, o que movem o mundo não são as perguntas, e sim, as respostas. Você tem a resposta para esta pergunta?


A escolha do domínio certo

Apesar de ser estranho, existem momentos certos para ter um domínio. A realidade é que, você precisa ter certeza! Parece ser simples, comprar um domínio e finalmente, pronto. Infelizmente, você precisa saber que um domínio tem de ser estudado, pois, no mundo virtual que estamos acostumados a viver (para quem usa internet diariamente), escolher o nome certo para o projeto certo é realmente decisivo. Vejamos algumas explicações:
  • .com.br
    Este tipo de domínio, o .com.br é usado muito para sites do ramo de negócios ou de comércios. É complicado encontrar um domínio .com.br em um site na qual fala sobre moda. Apesar do domínio .com.br ser o mais usado no Brasil, é importante ressaltar que ele gera um tráfego específico do Brasil. Ou seja, talvez em poucas palavras ele diz: "Este site é brasileiro".
  • .com
    É o mais usado no planeta, por dizer assim. Ele é um tipo de extensão global que pode ser usada para qualquer tipo de conteúdo, como, colinária, esporte ou, site de notícias. O interessante é que o domínio com extensão .com é mais fácil de armazenar em mente, apesar de não ser aconselhável para um site com um idioma específico. Ou seja, é melhor .com.br para sites nacionais, e .com para sites que usam multi-línguas, por exemplo.
  • .org
    Existe um domínio específico para este assunto, mas, eu diria que se encaixa mais em websites ou conteúdos de organizações. Um tipo de organização não governamental, por exemplo. É claro, as organizações governamentais usam o .gov.br, como estamos acostumados a ler, porém, é parecido com o .com, pois, ele mostra que pode ser usado globalmente, então, é interessante adquirir o domínio .org só se for uma organização.
  • .net
    Até ontem eu não sabia porque do .net na internet, e cheguei a pensar que seria abreviação de "internet", mas, não é. .net na verdade é uma extensão usada para uma suposta Network (em tradução livre, rede de trabalho) ou só "Rede" mesmo. É pouco usada, contudo, é uma ótima opção para quem vai criar uma rede social, por exemplo.
  • .info
    Assim como o .net, o .info é abreviação de "informação". O problema é que muitos webmasters escolhem esta extensão para qualquer assunto de site. É claro, cada um com seu desejo, mas, é melhor entender que quando se coloca o .info, quer dizer para todos a sua volta que o site trata-se de notícia ou algo informativo. Por exemplo: www.planetdiary.info/ Este é o correto para o site do Planeta Diária - se ele existisse, é claro - com apontamento para um público alvo correto.
  • .biz
    Não... Se você pensou que a extensão é usada para 'vender motos do modelo biz', se enganou! Assim como o .com, ela é uma extensão usada sem controle. Eu sinceramente de tanto pesquisar, só sei que o significado é de "busca", mas, é complicado explicar sua origem, mesmo sendo usada por muitos webmasters.

Seu orçamento se encaixa?


A grande pergunta ainda não foi respondida. Qual é o momento certo para comprar um domínio? Antes de tudo, é importante dizer que tudo isso custará caro no começo. Está disposto a gastar? Antes disso, você precisa saber se o seu orçamento suporta pagar uma hospedagem ou, se o seu caso for um site que já está em um servidor grátis de hospedagem, apenas pagar o domínio que deseja.

Normalmente, se o site não foi colocado em prática, então, você precisará desembolsar uma quantia para hospedá-lo em um 'webhost'. O Host, são super computadores que podem responder aos internautas quando um site é acessado (em minhas palavras).

Depois de encontrar um host, some tudo o que você vai gastar para conseguir colocar o site online. O host mais barato pode ser - exemplo - de custo de R$ 190,00 em promoção. Com o domínio, dependendo do plano escolhido, esse valor pode chegar a absurdos R$ 300,00 reais.

Eu posso indicar um host muito bom e que, não me arrependo de ter contratado, mas, fica a sua escolha, é claro. Indico-vos a "Superdomínios": www.superdominios.org


Comece a investir seu tempo, ou, escolha uma equipe

Outro fator que o site vai cobrar muito de você, é tempo! Se você tem uma vida pessoal muito atarefada e problemas de mais a serem resolvidos, cogite a ideia de deixar alguém no comando secundário do site.

Projetos são marcantes quando há uma equipe por trás dele. Se um webmaster trabalha sozinho num site ou numa organização, é melhor esperar que o site comece a ficar abandonado. Isso é consequência e acontece com todo mundo, que cria um site.

Se seu site se trata de um assunto que não precisa de ter uma equipe, melhor ainda! Mesmo assim, se você é tudo (desenvolvedor, analista de tráfego, webdesign e etc...), não pense que só vai ter sucesso trabalhando sozinho, quando puder. Quando coloca um site na internet, você assume uma responsabilidade de manter aquele assunto vivo, para que seus internautas correspondam com as expectativas que lhe motivou a criá-lo.

Para o caso de comunidades na internet, eu fiz um artigo sobre o abandono de fóruns em host grátis, como Forumeiros ou Criarumblog, por exemplo. Se quiser, basta clicar aqui.

Conclusão

Eu sei que é bobeira ser tão criterioso com um domínio, ou host para seu site. A realidade é que, criar exige dedicação e estudo, acima de tudo. Não só estudo escolar (ironia da minha parte), mas, planejamento e certeza de que tudo lhe trará retorno. E se tiver uma equipe, que ela precise ter uma incentivo para continuar.
Não pule fora do barco no começo, pois, sua ideia pode ser a única e a mais acessada, gerando 'dinheiro para sustentar seu site' e sua equipe, se for o caso.

Boa sorte com seu projeto.

27 de mar de 2016

O uso de meta tags é o meio mais comum e fácil para gerar tráfego no seu site, fórum ou blog. Depois de muito tempo estudando estes maníacos ocultos do HTML, finalmente, é fácil saber o verdadeiro propósito do OpenGraph do Facebook ou do Twitter Cards para webmasters.
Se você é curioso, e está duvidando a capacidade de seu site crescer, então, saiba que o impulso que este recurso oferecer é muito maior do que imagina.



Para os que não conhecem este pequeno e poderoso recurso, é nada mais e nada menos do que uma forma mais fácil de evitar postagens demoradas. Sim, esta é a história mais resumida que você pode ler. Para outros que querem saber mais... Bem, vamos explicar.


OpenGraph - Facebook Connect

Imagina-se que tudo o que vem do Facebook é mágico e vantajoso, e estes é um dos meios que o Facebook encontrou de apoiar os webmasters a publicarem sua marca. Esse apoio aos webmasters, é feito por meta-tags. Se você nunca soube ou viu falar nisso, então, que tal acompanhar o nosso artigo sobre As meta-tags.


OpenGraph visa apenas facilitar o modo que suas postagens são exibidas numa determinada página da rede social. Por exemplo, se o site não conter o OpenGraph, quando uma postagem for compartilhada na sua página ou em seu perfil, nada de mais vai ser mostrado, e sim apenas a URL do link que foi compartilhado.

Com o OpenGraph, quando adiciona o link, ele exibe várias miniaturas de acordo com a página que está compartilhando. Este processo é mais atencioso com blogs ou sites de notícia, que podem usar este procedimento para incorporar imagens da postagem como miniatura. Você pode entender o exemplo olhando a imagem que mencionamos acima.

Como posso adicionar ao meu site?

Antes de começar, você precisa acessar a página do OpenGraph no Facebook caso queira entender melhor: facebook.com/developers/opengraph Depois disso, é preciso que você entenda que o OpenGraph é composto com META-TAGs, e por isso, ele só pode ser adicionado (quando usado por META) no cabeçalho da página, ou, em outras palavras, .

< meta property="og:title" content="TITLULO" >
< meta property="og:type" content="website" >
< meta property="og:url" content="URL_DO_SITE">
< meta property="og:image" content="IMAGEM_DO_SITE">
OBS: Tire os espaços antes da abertura do código.


Ok... Depois de ver isso, vamos no cabeçalho e antes de finalizar o mesmo, basta incluir as METAs mencionadas acima. Então, antes do head

Adicione as Metas que mencionamos. Em seguida, altere os valores que estão dentro do "content" para os dados do seu site. Depois que o fizer, salve o documento da sua página, e vá ao Facebook, na sua página ou no seu perfil e cole a URL da página que adicionou o OpenGraph.


Depois de um tempinho, o Facebook vai lhe fornecer as miniaturas da sua página, ou, em específico, a miniatura que definiu no content da META:


Vale lembrar, que isso pode demorar um pouco. O Facebook costuma (com seu sistema super "sônico"), ler o que está na sua página primeiro, e depois, enviar a miniatura para a postagem. Se não funcionar de imediato, aguarde alguns minutos e tente de novo.

Para blogs, é importante que você use o OpenGraph automático. Como assim? Simples!! Aqui no blog ShiftActif, temos o OpenGraph automático que é gerado de acordo com os dados do artigo, assim, não é extremamente preciso de que, tenhamos que definir uma META específica para cada artigo, pois, ela se gera sozinha.

Se usa o sistema BLOGGER, então, é hora de conhecer e aplicar este novo recurso. Caso queira, então, adicione os códigos mencionados no Github: "OpenGraph for Blogger"


Twitter Cards - Twitter

A competição começa aqui, sabia? O Twitter também desenvolveu este recurso para melhorar o desempenho das postagens e páginas com os usuários do Twitter. Acesse a central com a documentação do recurso: Twitter Cards Documentation

Apesar do Twitter Cards ser basicamente a mesma coisa, então, você já sabe o que tens que fazer.
Normalmente, os webmasters preferem adicionar o twitter cardas logo após o OpenGraph. A verdade é que não existe uma especificação, desde que, tudo seja aberto e fechado de acordo com as leis do HTML (que toda tag aberta, deve ser fechada).








Seguindo a mesma lógica e raciocínio do OpenGraph, ele tem uma opção legal. O 'twitter.site' é o nome do usuário no Twitter. Não, não é URL do seu site!

Lembre-se, de adicionar o Twitter Cards depois da tag HEAD do seu documento, ou, antes do fechamento do HEAD. Ela segue o mesmo exemplo do Facebook, que cria miniatura automática com o título, nome do usuário, descrição e imagem.


É bem simples, pois, quando adiciona uma URL, ela pode aparecer sem graça, mas, se acessar o link do post, verá que o Twitter Cards funciona direitinho. :D

RESUMINDO...

Tanto o Twitter Cards quanto OpenGraph, são recursos extremamente valiosos para ajudá-lo com SEO do site. Tenha em mente, que ter um usuário no Twitter e Facebook para publicações exige tempo, e muita paciência. Estude um pouco mais sobre publicidade, e seu site será um sucesso!
Precisa de ajuda? Fale conosco